sábado, 17 de janeiro de 2009

SOPA DA CABIDELA

Antes de mais, na postagem de hoje, tenho que pedir desculpas pela qualidade das fotos, mas a minha máquina neste dia estava "aluada" e recusava-se a tirar fotos em condições... Reparo feito, vamos ao que interessa:
Há comidas que eu acho que só ficam saborosas se forem feitas pela minha mãe: feijoadas, caldeiradas e cabidela.
Cabidela é um prato muito apreciado cá em casa e normalmente a minha mãe confecciona-o sempre ao fim de semana, que é quando a Risonha Júnior almoça em casa. E a cabidela é sempre feita com batatas - não me perguntem porquê, mas gostamos mais assim.
Como normalmente sobra sempre (neste tipo de comidas a minha mãe nunca sabe fazer pouca quantidade) eu faço sempre esta sopa para comermos no dia seguinte...
Colocar um passador de rede sobre uma panela e deitar sobre ele as sobras da cabidela, de modo a que o caldo escorra para dentro da panela.
Rejeitar as batatas e aproveitar a carne que sobrou, que deve ser desfiada em pedaços pequenos.
Levar o caldo da cabidela ao lume (juntar um pouco mais de água se necessário) com a carne desfiada e adicionar algumas lascas de presunto cortadas muito finas (se quiser pode substituir por bacon em cubinhos ou chouriço em rodelas).
Enquanto isso cozer um ou dois ovos.
Quando o caldo começar a ferver juntar um punhado de arroz, rectificar os temperos e deixar ao lume até o arroz estar cozinhado.
Juntar os ovos cozidos partidos em pedacinhos e servir de seguida.

1 comentário:

Ricardo disse...

Há quantos anos que não vejo uma sopa de cabidela...adorei sim..brigada por partilhar